Você conhece seu melhor cliente?

Você conhece seu melhor cliente?

Planejamento & Riscos

As maiorias dos novos profissionais ainda não se atentaram para a importância de se colocar em prática os estudos. Estão esperando o cliente ideal.

Planejamento Digital: usem as ferramentas, mas planeje para o mundo real
Marketing 4.0 – Quem são os JMN´s
Marketing 4.0 | Ambientes Complementares, mundo real e a importância do off-line

Estudo planejamento há um bom tempo. Na realidade, estudo até hoje e sempre vou estudar.

Costumo dizer que estudar sobre planejamento de comunicação é muito similar a estudar sobre budismo: são muitas as direções, muitas as interpretações ideológicas. Das mais objetivas até as mais complexas linhas de pensamento, a única certeza é que o papel do planejamento é o de conectar pontos para resolver problemas.  E assim como no Budismo, a prática precisa ser diária.

Mas como testar essa conexão, minimizando os riscos? Como exercitar a prática todos os dias?

Assista o episódio 133 e, se tiver um tempinho, leia o texto complementar.

As diversas metodologias em um Planejamento

Muitas das metodologias que eu já tive acesso, principalmente vindo de livros físicos, eu já consegui aplicar em cases reais. Outras muitas, não.

É recorrente me pedirem alguns modelos de planejamento que eu já usei. Ou, então, é comum me perguntarem como começar um planejamento e qual a direção ideal para um planejamento.

A resposta, como eu sempre faço questão de ressaltar aqui no blog, é simples e objetiva: não existe modelo de planejamento. O que existe são diversas metodologias, criadas por grandes estrategistas da comunicação e do marketing, que são possíveis de serem aplicadas dentro do seu planejamento.

A dica que eu dou, também bastante simples, é: seja o seu próprio cliente. Ser seu próprio cliente é uma excelente maneira de testar todas as metodologias.

Já disse isso por aqui algumas vezes e faço questão de repetir.

Seu planejamento pode prejudicar muita gente: minimize os riscos

 

Esperar um cliente real para iniciar testes ou aplicar as metodologias que você estudou pode ser um caminho mais árduo, pois vai te exigir uma carga de responsabilidade maior, visto que os riscos são reais e o impacto financeiro pode não só te prejudicar, como prejudicar o seu cliente e toda a estrutura de negócios dele.

E se prejudica o seu cliente, tenha em mente que vai prejudicar todas as pessoas que trabalham na empresa dele; perceberem a sua responsabilidade nisso?

Quando você criar um projeto seu, e tem em mente que toda mensagem que você produz para esse projeto, se linkada a um objetivo, pode ser um “objeto” de estudo para que você aplique as metodologias que você conhece.

Você faz estágio para si mesmo. Você minimiza as chances de próximos erros.

Seja você o seu cliente e aplique o que você estuda, nos seus projetos. Hoje em dia não tem mais desculpa para dizer que você precisa “ter um cliente real” para botar os estudos em prática.

Comece a planejar algo, AGORA (ou depois de terminar de ler o texto =D)

São tantas as plataformas gratuitas para que você inicie um projeto, que basta ter uma ideia na cabeça, reservar algumas horas para planejar, executar e mensurar o que foi feito.

Comece agora ~ depois de ler esse texto ~, a aplicar seus conhecimentos.

Nem que seja num simples página de Blog, toda comunicação inicia-se com uma ideia que vira uma mensagem que é consumida por um determinado grupo de pessoas no início.

Só cabe a você mensurar como conectar o ponto de partida da sua ideia, onde você está, até o ponto de entrega, o que você quer com o seu projeto.

Como fazer isso?

Respondendo a pergunta mais importante de todas: qual o problema, ou problemas, você precisa resolver.

 

Por hoje é só.

Se você leu até aqui, muito obrigado pela sua atenção e até o próximo conteúdo.

COMMENTS

WORDPRESS: 0
DISQUS: