Relatório para Mídias Sociais: o que não fazer

Relatório para Mídias Sociais: o que não fazer

A partir de hoje, o JobCast terá uma uma série de vídeos especialmente para falar sobre Relatórios de Mídias Sociais. A ideia com essa série, não é tr

Marketing de Conteúdo: 3 Princípios de excelência
4 dicas para um conteúdo de qualidade ( a 1 é a melhor)
Os 5 P’s da mídia social

A partir de hoje, o JobCast terá uma uma série de vídeos especialmente para falar sobre Relatórios de Mídias Sociais. A ideia com essa série, não é tratar do assunto de maneira engessada. A ideia é tentar explicar de maneira simples, dar algumas dicas e insights sobre a produção dos relatórios e mídias sociais.

Inicialmente vamos manter o foco nos relatórios para mídias sociais e, no decorrer das edições vamos abordando outros tipos dicas, focando em relatórios mais amplos e que saiam um pouco apenas das redes sociais e busque por outras mídias e maneiras de se reportar o trabalho que é feito em com comunicação digital.

Teremos uma longa jornada pela frente, pois é um assunto que nós nunca devemos parar de estudar.

Relatórios e Mídias Sociais: o que não fazer

No primeiro vídeo da série, vamos falar de um erro muito comum cometido, principalmente, por profissionais que estão iniciando a sua trajetória no universo da comunicação digital e nas mídias sociais: o medo de reportar os resultados negativos.

O resultado negativo e tão importante, ou tem o mesmo peso, que os resultados positivos. Não fique com medo de apresentá-los nos relatórios. No entanto, explique os porquês do ocorrido.

A dica, caso a performance da sua atuação não tenha atingido as metas esperadas, é; oferecer uma nova solução para melhorar aqueles indicadores – ou desconsiderá-los – que não se saíram tão bem. Se possível, faça isso no próprio relatório. Principalmente se você for apresentá-lo, o que eu sempre recomendo para projetos com escopo mais complexo e que envolvam um investimento maior.

IMPORTANTE: Se você não planejar e alinhar muito bem as expectativas e o que foi contratado, é possível que você comece a dar importância e reportar muitos indicadores irrelevantes e, com isso, a tendência é que os números demonstrem um certo descontrole.

Isso normalmente acontece quando você pula, ou não dedica as horas necessárias no planejamento.

Independente do escopo do projeto, é obrigatório que você invista um tempo para planejar a sua linha editorial para ver se ela condiz com o seu direcionamento estratégico e com as expectativas do cliente. Mesmo que implícito, esse é o primeiro passo para que você consiga estruturar um bom relatório de mídias sociais.

Relatórios de Mídias sociais não são partes isoladas

Não entenda o relatório de mídias sociais como um material isolado do serviço.

Não adianta desenvolver uma estratégia mirabolante para as mídias sociais do seu cliente, se na hora de mostrar os resultados você não consegue tangibilizar ao máximo os resultados. Vejo que essa percepção de o relatório ser uma demanda isolada exista pelo fato de termos um prazo relativamente tranquilo para que ela seja executada. Mas, não se engane, ela é o elemento onipresente da sua atuação.

Ah, e a não ser que você vá apresentar o seu relatório para uma equipe que tenha mesma expertise e fale a mesma língua que você, não me venha com relatórios lotados de gráficos complicados e termos bonitos.

Produzir um bom relatório de mídias sociais também tem a ver com conseguir transmitir a mensagem para o seu receptor. Ou, evitando os termos técnicos, escreva de maneira que o seu cliente vá compreender o que foi feito.  Evite palestrar, o seu cliente só precisa entender pra onde o dinheiro dele está indo.

Desprenda-se dos títulos que a profissão nos dá entenda duas coisas importantes: o cliente não precisa entender sobre o serviço que você presta, ele precisa entender como o serviço que ele contratou vai trazer retorno pra ele. E isso só você tem o poder de mostrá-lo.

Espero que esse conteúdo tenha te ajudado de alguma maneira, muito obrigado pela atenção e até o próximo JobCast.  

COMMENTS

WORDPRESS: 0
DISQUS: