Quais são as regras básicas para manter o blog corporativo?

Quais são as regras básicas para manter o blog corporativo?

Blog da empresa pode ser interno ou externo. O primeiro, é normalmente usado para o poder de comunicação interna entre os funcionários, ajudando-os a

Qual é o papel de um editor para um blog corporativo?
5 passos para vender mais utilizando a escuta social
Como o Inbound marketing pode ajudar sua startup

Blog da empresa pode ser interno ou externo. O primeiro, é normalmente usado para o poder de comunicação interna entre os funcionários, ajudando-os a participar nas ideias, discutir os problemas, fomentar um sentimento de pertença, a criação de uma comunidade unida.

O segundo é disponível para quem vem de fora e muitas vezes reflete os valores da sociedade e suas opiniões sobre o setor a que pertencem. O blog pode ser usado para anunciar novos produtos e serviços (ou reviver as antigas ao longo do tempo), explicar e clarificar as políticas, responder às críticas públicas sobre determinadas questões.

Em ambos os casos, o blog é a cultura corporativa e é frequentemente um menos informal do que os comunicados de imprensa, apesar de muitas vezes tentando alcançar objetivos semelhantes. Alguns blogs corporativos (não todos, infelizmente), permitem comentários dos leitores.

regrasblogs

10 regras básicas sobre como manter o blog da empresa

1. Não use o blog principalmente para o marketing

As pessoas não querem ler um monte de publicidade. Um blog deve revelar a verdadeira essência de sua empresa, uma coleção de informações sigilosas. Faça o blog da empresa mais pessoal, e terá maior benefício imediatamente. O equilíbrio certo entre a sinceridade, personalidade e respeito pela comunidade de referência em tempo irá premiar o compromisso da empresa com o leitor.

2. O apoio do CEO da empresa

Pode revelar uma série de informações, assim certifique-se de que o CEO está por trás de todo o caminho. Antes de iniciar o blog da empresa, ilustre os benefícios e os riscos. Eu sugiro que você verifique, também, com o seu departamento jurídico, que informações publicar ou não. Delineado no início de seus parâmetros.

3. Bloggers de negócios

 Este aspecto é extremamente importante e varia de acordo com o tipo de blog escolhido: interno ou externo. Você pode escolher um número ilimitado de pessoas para representar a empresa, mas eles devem ser treinados sobre como transmitir sua mensagem e como inspirar outros. O blogueiro deve entender como o blog da empresa, o que é a blogosfera, como lidar com os comentários. Além disso, ele deve ser um ávido leitor de outros blogs.

4. Autenticidade

 Como mencionado antes, o blog não é apenas outra fonte de marketing e publicidade. Blogging tem como objetivo principal entrar em contato com os leitores em uma dinâmica e envolvente. Isto, naturalmente, não significa manter uma linha editorial, pois não está alinhado com os objetivos da missão da marca, e de negócios.

5. A figura do editor

Apesar de eu acreditar que os blogueiros devem ser expressar com sinceridade, considero a ideia de atribuir a alguém a tarefa de visualizar todas as mensagens. Este tipo de figura deve ter um bom conhecimento geral das políticas da empresa e relações públicas. Além disso, deve ser capaz de designar poderes aos bloggers. Este último deve apresentar o conteúdo para o editor antes da publicação. Este sistema de freios e contrapesos não pretende criticar a voz interior, mas para evitar dores de cabeça desagradáveis ??. O ideal seria desenvolver um calendário editorial alinhada aos eventos corporativos, comunicados de imprensa, promoções, etc.

6. Esteja disposto a admitir erros

Quando uma empresa se ??une a blogosfera, os leitores têm vindo a esperar uma atitude de lealdade e de sinceridade para nossos clientes. A experiência ensina que os membros da blogosfera estão dispostos a perdoar a empresa quando eles admitem seus erros e puni-los quando eles não conseguiram cumprir as suas responsabilidades .

7. Use blogs em tempos de crise

Mesmo em empresas de sucesso, por vezes acontecer a viver momentos de dificuldade. Nestes casos, usar o blog para apoiar o seu trabalho. Criar um plano de frente para quando a empresa for enfrentar essas fases.

8. Moderar o que lhe dá a chance de comentar

 As pessoas gostam de comentar sobre o blog. Vivemos em uma época em que as mídias sociais são os mestres. Então qual o sentido de evitar comentários sobre o blog? Se você tem de algo, escolha o caminho da moderação ou evite a criação de um blog.

9. Um blog da empresa para melhorar a comunicação entre os departamentos

Se a sua empresa não se comunica bem entre departamentos, um blog pode ajudar a preencher essa lacuna. Quando você insere um blogueiro em um departamento, a informação é compartilhada ajudando a empresa a rever o quadro geral da organização.

10. Definir metas antes de começar

Se você não sabe para onde ir, talvez você deva adiar a sua entrada na blogosfera. Sem objetivos é praticamente impossível estabelecer um editorial para o seu blog. Recomendo a Leitura do Livro Conversando com Clientes para você ter ideia por onde começar.

Não entre em pânico, não olhe para o blog corporativo como algo complicado e preocupante, especialmente se você aplicar algumas regras básicas antes do tempo.

 

COMMENTS

WORDPRESS: 4
  • comment-avatar

    Quais são as regras básicas para manter o blog corporativo? http://t.co/keU1zFM3Ls via @101startup #startup

  • comment-avatar

    Quais são as regras básicas para manter o blog corporativo? http://t.co/keU1zFM3Ls via @101startup #startup

  • comment-avatar

    Quais são as regras básicas para manter o blog corporativo? – #marketingdigital http://t.co/keU1zFM3Ls

  • comment-avatar

    Quais são as regras básicas para manter o blog corporativo? http://t.co/PC6E1jrSEd #midiasocial

  • DISQUS: