Marketing de Conteúdo: previsões para 2015

Marketing de Conteúdo: previsões para 2015

Ano novo, vida nova. E as previsões para os próximos meses. No início deste novo ano eu não quero perder os debates sobre o que esperar em 2015, sobre

Como criar e otimizar o CTA (Call-To-Action) para o marketing online
Principais redes para startups
Conselhos de Seth Godin para blogueiros

Ano novo, vida nova. E as previsões para os próximos meses. No início deste novo ano eu não quero perder os debates sobre o que esperar em 2015, sobre o tipo de campanha que irá surpreender e que estratégias serão adotadas sobre mídias antigas e novas.

Se em 2014 nós vimos exemplos interessantes de marketing e campanhas publicitárias de conteúdo baseado no famoso lema “O conteúdo é rei” com certeza 2014 não pode ser superado ou melhor pode e será.

O que é marketing de conteúdo?

Antes de iniciar com as previsões, vamos definir o que é o marketing de conteúdo, uma vez que nos últimos meses foi algo muito discutido.

DIGITAL-CONTENT-MARKETING

O marketing de conteúdo é a informação ou conteúdo para os clientes existentes e potenciais, a fim de construir a confiança, consciência e o sentimento positivo.

O objetivo principal não é a venda em si, mas a construção de um relacionamento de longo prazo com os consumidores.

As ferramentas que são normalmente utilizadas numa estratégia dos conteúdos incluem:

  • Blog
  • E-book
  • Newsletter
  • Apresentações
  • Podcast
  • Vídeo
  • A mídia social
  • Webinar
  • White Papers

Então, onde está o marketing de conteúdo? Quais são as tendências que vamos ver em 2015? Quais serão as novas táticas para implementar uma estratégia de marketing de mídia social? Aqui estão algumas previsões.

Mais barato e mais verba para o marketing de conteúdo

Empresas já se tornaram conscientes de que o marketing de conteúdo é o caminho certo a seguir para quebrar o coração de seus consumidores. Isso significa maiores investimentos nesta área e à procura de pessoas competentes: Gerente de marketing de conteúdo, Diretor de Conteúdo, Curador de conteúdo são apenas algumas das funções necessárias.

O desafio é o mobile

content_marketing

Com a previsão de que os dispositivos moveis irá ultrapassar o uso de desktop dentro dos próximos anos, implementar uma estratégia de conteúdo sólida em plataformas moveis não é mais uma opção. 

criação de conteúdo que pode ser lido pelo celular/tablet/Ipda vai se tornar cada vez mais importante, e isso significa usar um formatos amigáveis ​​para esses dispositivos, um conteúdo , de fato, mais útil e curto.

Além disso, com o aumento do uso de dispositivos móveis, smartphones com GPS serão cada vez mais usado para receber informações e ofertas com base na localização atual do usuário. Esta prática já existe e vai se espalhar mais até o final de 2015.

Google+ e Slideshare serão as ferramentas mais utilizadas para B2B

De acordo com o Instituto de Marketing de Conteúdo, mesmo as empresas que operam no B2B estão cada vez mais usando a mídia social para promover conteúdo. Dada a continuação do crescimento do Google nos próximos meses, a rede social vai se tornar um ainda mais importante.

E uma ferramenta importante no arsenal de marketing de conteúdo pode ser um que muitos de vocês já ouviram falar e visitaram, mas talvez não tenha usado até hoje – SlideShare .

Como por seu próprio site, SlideShare é a maior comunidade do mundo para compartilhamento de apresentações. Com 60 milhões de visitantes mensais e 130 milhões de page views, o SlideShare também tem sido referido como a maior comunidade de partilha de conteúdo profissional do mundo.

O SlideShare é muito inigualável no que está sendo direcionado para profissionais que buscam conteúdo e informações ao passo que o YouTube é, essencialmente, para o entretenimento de vídeo. O SlideShare é um grande recurso, mas o mais importante, as empresas podem utilizar para levar a sua mensagem para fora em um local que já está preparado para a busca de informações, perspectivas e estratégias úteis.

Conteúdo cada vez mais visual

Com tanto conteúdo que está sendo publicado on-line, agora você precisa ser capaz de capturar a atenção do público. Como? Com conteúdo visual, pois sabe-se que 67% dos consumidores são mais atraídos por imagens nítidas e detalhadas do que a informação escrita e que artigos com imagens chegam a um engajamento maior do que aqueles sem.

Isso significa mais infográficos, SlideShare, gif, vídeo para compartilhar em plataformas novas e imediatas como Vine e Instagram.

A importância do SEO e Hashtag

Seo e Hashtag

TimHesterPhotography/iStock

Quando se trata de conteúdo, é óbvio que o próximo passo é liberar a necessidade de torná-los acessíveis, não só através da pesquisa do Google, mas também em plataformas sociais. Agora, as pessoas procuram o conteúdo diretamente no Facebook, Pinterest, Instagram e Twitter, por isso é importante o uso de palavras-chave e hashtags para se certificar de que o conteúdo compartilhado em redes sociais será encontrado.

Interatividade e Gamificação

O marketing de conteúdo continuará a se concentrar no conteúdo interativo, e o que é mais interativo do que um jogo? A gamificação é uma forma de explorar o desejo natural de competir e vencer.

Veremos, então, muitos concursos, tanto nas redes sociais, especialmente no Facebook, e nos sites, que permitem que marcas expandam sua comunidade online.

O volume de vídeos será enorme

O vídeo tornou-se a estratégia de marketing de conteúdo mais atraente e confiável, capaz de multiplicar por 6 a permanência de um usuário em um site.

Se há um componente que não pode faltar em qualquer estratégia de negócios baseada em marketing de conteúdo, isto é, sem qualquer dúvida, o vídeo. Uma prova irrefutável é que 62% das agências incluem o YouTube dentro da estratégia que oferece aos seus clientes.

Na mesma linha, um estudo de Outrigger mídia indica que quatro em cada dez empresas já possuem uma estratégia focada no YouTube em seu plano de marketing. A razão é que os resultados são mensuráveis: 62% dos entrevistados pela Strata disseram que seu volume de negócios cresceu.

Além disso, de acordo com um relatório da AdExchanger, duas em cada três agências irá investir 40% do seu orçamento ou mais neste tipo de publicidade digital. 

Criar conteúdo útil ajuda a captar a atenção dos clientes e a lealdade dos potenciais. Nesta linha, o vídeo oferece uma série de vantagens sobre outros formatos:

  • consumo de audiovisual cresce a cada mês 100 milhões de internautas.
  • memória audiovisual tem uma taxa muito mais elevada do que qualquer outro formato.
  • O conteúdo é mais magnetismo e tem  53 vezes mais chances de ser visto.
  • Os vídeos são capazes de motivar as pessoas a agirem em determinada direção.
  • A empresa pode ganhar notoriedade durante a transmissão de uma mensagem acessível e confortável.
  • É uma boa maneira de fazer uma dinâmica para captar a atenção de potenciais clientes durante apresentações corporativas.

Estas previsões estão corretas? Nós vamos descobrir no final de 2015, quando será a hora de fazer um balanço?

COMMENTS

WORDPRESS: 7
  • comment-avatar

    Novo artigo => Marketing de Conteúdo: previsões para 2015 http://t.co/CGaYvuFWHL #contentmarketing #conteudo

  • comment-avatar

    Novo artigo => Marketing de Conteúdo: previsões para 2015 http://t.co/1NgJJi5GVh #contentmarketing #conteudo

  • comment-avatar

    Marketing de #conteúdo: previsões para 2015 http://t.co/zQVWj8YUSS (via @101startup) http://t.co/zS5AAHw7Vr

  • comment-avatar

    Marketing de Conteúdo: previsões para 2015 http://t.co/1cRqtuY28a

  • comment-avatar

    Marketing de #conteúdo: previsões para 2015 http://t.co/5fkKJ4WEHh (via @101startup) http://t.co/3IElr0nHgA Via @AgenciaVIRTA

  • comment-avatar

    Marketing de Conteúdo: previsões para 2015 http://t.co/kaHiQlit4r, see more http://t.co/oqwHaHL6zr

  • comment-avatar

    Marketing de Conteúdo: previsões para 2015 – #marketingdigital http://t.co/Rz20JTzqKc

  • DISQUS: