Influenciadores Digitais: equilíbrio entre audiência e pertinência
Influenciadores Digitais: a audiência não é o mais importante

Influenciadores Digitais: a audiência não é o mais importante

Influenciadores Digitais: conceito, estratégias e opinião

Como dito no primeiro episódio,  e ainda creio que ainda falaremos mais sobre isso, a audiência dos influenciadores digitais é extremamente relevante ...

Comercial de Natal do Pornhub mostra uma outra maneira de passar o natal sozinho
A Morte do Social Media: Networking não é consultoria
Marketing de Conteúdo: O desafio da ficha de poker na construção de marca

Como dito no primeiro episódio,  e ainda creio que ainda falaremos mais sobre isso, a audiência dos influenciadores digitais é extremamente relevante e pode ditar o sucesso de uma ação.

No entanto, a audiência desse influenciadores digitais não deve ser o principal critério de decisão na hora de envolvê-lo nas suas estratégias de marketing digital
. 

Assista o segundo episódio da série, Influenciadores Digitais: conceito, estratégia e opinião.

Porque a audiência dos influenciadores digitais não é o mais importante

A audiência é importante, claro. Mas, ainda mais importante que uma ampla audiência, é a pertinência e coerência que o conteúdo desse influenciador tem com a sua marca e posicionamento.

Como profissional de planejamento, peço que deem muita atenção: escolher usar estratégias de marketing com influenciadores digitais, sem se preocupar com os riscos que esse influenciador pode causar na sua marca, é colocar em risco anos investimento em comunicação.

Os riscos básicos em uma estratégias de influenciadores Digitais

Conhecendo a pessoa antes. Parece invasivo, mas a partir do momento que a imagem da sua marca está em jogo, eu recomendaria isso, e muito.

Conhecendo bem o histórico do influenciador que você pretende contratar e o conteúdo que ele produz na internet, pessoalmente e profissionalmente você elimina grandes parte do risco.

Elimina possíveis ruídos indesejáveis na sua comunicação e, com isso, evita ter dor de cabeça com resultados negativos por falta de planejamento.


Ainda vou falar sobre a influência/riscos que a imagem pessoal dos
influenciadores digitais podem trazer na comunicação.

O ponto é que, daqui pra frente, será muito comum que as ações de marketing, de grandes, médias ou pequenas marcas,  intensifiquem o uso de estratégias com influenciadores digitais.

Acredito, também, que, em breve, estratégias usando de influenciadores digitais vá se tornar algo tão orgânico e comum que em breve a atenção dos planejadores e estrategistas responsáveis pela gestão de marketing digital, não mais estarão  centradas nessas personas.

Por isso, e para finalizar, peço que sempre tenham em mente que não interessa quantos seguidores o influenciador tem, mas, sim, qual o valor da narrativa desse cara e se esse valor tem sinergia com – novamente – o posicionamento de mercado da sua marca.

Afinal de contas, não podemos esquecer de que, como dito no episódio anterior: todos nós somos influenciadores digitais em algum nível.

Se quiser bate um papo sobre o assunto, fique a vontade para me enviar um mensagem em qualquer uma das minhas redes sociais.

Obrigado pela sua atenção e até o próximo conteúdo.

 

___

Inscreva-se no meu canal do YouTube e receba novos vídeos sobre Estratégias de Marketing Digital e Mídias Sociais.

COMENTÁRIOS