Inbound Marketing: nem tudo é conversão |  JobCast 30

Inbound Marketing: nem tudo é conversão | JobCast 30

Vou começar o texto, alertando-os de que não, eu não tenho absolutamente nada contra o Inbound Marketing. Não tenho motivos para isso e no vídeo e

Os 4 níveis da Relevância em mídia social
Marketing em mídias sociais: Quais técnicas você escolheu?
Marketing de conteúdo um processo simples


Vou começar o texto, alertando-os de que não, eu não tenho absolutamente nada contra o Inbound Marketing. Não tenho motivos para isso e no vídeo eu explico melhor os “porquês” resolvi falar da Inboundização. A ideia aqui é alertar o pessoal que produz conteúdo a equilibrar essência e técnica sem perder o foco no objetivo estratégico da proposta planejada.


Inbound Marketing não é só sobre converter


No JobCast 30, vamos abordar um pouco mais sobre Produção de Conteúdo para internet e a importante relação entre o contexto emocional do conteúdo e o Posicionamento Estratégico que a marca – ou pessoa – pretende transmitir através dos argumentos apresentados no conteúdo, seja qual for o meio escolhido para distribuir a mensagem.

O Inbound Marketing é uma prática extremamente eficaz, não tenho dúvidas disso. No entanto, venho percebendo que a prática vem sido aplicada de maneira isolada e apenas com o foco na conversão. Quando não é aplicada de maneira antiética. Mas vamos pular essa parte…

A conversão é importante? É claro! Muito! Eu diria que em muitos casos é a conversão que vai determinar o sucesso real das suas estratégias. O famoso ROI. Ou pelo menos é um KPI importantíssimo – se não o mais importante – a ser avaliado. Tudo vai depender do objetivo planejado.  

O bom conteúdo é feito e pessoa pra pessoa

 

Mas nem tudo gira em torno de conversão quando estamos falando sobre estratégias de Produção de Conteúdo. A emoção importa tanto quanto a conversão.

Cada etapa tem o seu peso e suas características dentro de um planejamento, mas uma delas, e que não pode NUNCA ser ignorada, é o seu posicionamento estratégico.

Mesmo que você esteja trabalhando uma estratégia de comunicação que tenha o foco no conteúdo com a finalidade de gerar leads, por exemplo, usando e abusando de todas as etapas do Inbound Marketing, é importante que você tenha em mente que o bom conteúdo precisa gerar valor. O bom conteúdo é feito de pessoa para pessoa.  


Quando você simplesmente ignora o fato de que o seu conteúdo precisa gerar Valor e CONTRIBUIR com o Ambiente Digital e audiência desejada, você está apenas executando uma operação.

 

Para ser bem sincero, tenho observado alguns trabalhos de conteúdo, feito por pessoas que são são exatamente envolvidos com Marketing de Conteúdo, muito melhores que alguns que se dizem profissionais de conteúdo.

A diferença?

Uma mente desinboundizada. O carinho e o tesão pelo tema

Nada contra o Inbound Marketing, mas precisamos ter cuidado com a aplicação demasiadamente forçada e sem objetivo claro. Ignore as pessoas e o efeito pode ser contrário.  

Vamos usar e abusar do Inbound Marketing, mas vamos fazer isso sempre pensando em como podemos contribuir com o nosso querido meio digital.

Espero que você tenha do conteúdo.
Obrigado pela atenção e até o próximo conteúdo.

COMMENTS

WORDPRESS: 0
DISQUS: